>
Olá, seja muito bem-vindo a esse ambiente! Espero que ele possa atender suas expectativas!

sábado, 25 de agosto de 2012

Planeta pode ter sido engolido por sua estrela

A pista deixada pelo planeta desaparecido foi fornecida aos astrônomos pela quantidade de lítio observado na região.[Imagem: NASA]
Planeta engolido pela estrela

Uma equipe internacional de astrônomos encontrou os primeiros indícios da destruição de um planeta por sua estrela em processo de envelhecimento.

Os dados sugerem que o planeta desaparecido foi devorado quando sua estrela começou a se expandir em uma "gigante vermelha" - o equivalente estelar de uma idade avançada.

Em 2011, outra equipe já havia detectado dois exoplanetas literalmente cozidos por sua estrela, também em processo de se tornar gigante vermelha. Agora, contudo, parece que o planeta foi totalmente destroçado no processo.

O mesmo deverá acontecer com o Sol, dentro de alguns bilhões de anos.

"Um destino semelhante pode aguardar os planetas interiores do nosso Sistema Solar, quando o Sol se tornar uma gigante vermelha e se expandir até além da órbita da Terra, daqui a cerca de cinco bilhões de anos," disse Alex Wolszczan, Universidade Penn State, nos Estados Unidos.

Wolszczan também liderou o grupo que descobriu o primeiro planeta fora do Sistema Solar, em 1992.

Pistas de lítio

A pista deixada pelo planeta desaparecido foi fornecida aos astrônomos pela quantidade de lítio observado na região.

"Nossa análise espectroscópica detalhada revela que esta estrela vermelha gigante contém uma quantidade anormalmente elevada de lítio, um elemento raro, criado principalmente durante o Big Bang, 14 bilhões de anos atrás," disse Monika Adamów, responsável pela pesquisa.

O lítio é facilmente destruído nas estrelas, razão pela qual sua abundância anormalmente alta nesta estrela antiga é tão incomum.

"Os teóricos identificaram apenas algumas circunstâncias especiais, que não a do Big Bang, em que o lítio pode ser criado em estrelas," comenta o professor Wolszczan. "No caso da BD+48 740, é provável que a produção de lítio tenha sido provocada por uma massa do tamanho de um planeta que mergulhou rumo à estrela."

A equipe também descobriu um planeta maciço em uma órbita fortemente elíptica em torno da mesma estrela vermelha gigante, que é mais antiga do que o Sol, estando agora com um raio cerca de 11 vezes maior.

Fonte: Inovação Tecnológica
Compartilhar:
←  Anterior Proxima  → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Com seus comentários, você ajuda a construir esse ambiente. Sempre que opinar sobre as postagens, procure respeitar a opinião do outro.

Muito obrigado por participar de nosso Blog!

Abraços!

Visitantes no Globo

On line

Total de visualizações

Arquivo do blog

Mais visualizadas do mês

Seguidores